Marcopolo e Empresas Randon ampliam parceria no CTR

Decorrido pouco mais de um ano da parceria tecnológica para testes e validações, a Marcopolo e as Empresas Randon ampliam acordo para desenvolvimento conjunto no Centro Tecnológico Randon. O CTR disponibilizará à Marcopolo, nesta quarta-feira (20/11), uma área de sigilo que será dedicada a estudos avançados de engenharia para seus ônibus. “A ampliação da parceria está alinhada à estratégia da Marcopolo de foco na qualidade, inovação e competitividade, e demonstra o sucesso alcançado pelas duas empresas, unindo conhecimento e experiências numa enorme sinergia vivencial em favor da excelência do produto final”, expressa o CEO da Marcopolo, James Bellini.


“Na prática, demonstramos a força da Serra Gaúcha como referência de um polo automotivo inovador, otimizando os recursos disponíveis e diminuindo custos com desenvolvimento num processo colaborativo, exatamente como exigem os modernos modelos de negócios”, diz o CEO das Empresas Randon, Daniel Randon. Ele lembra que se trata de uma ação local que ganha amplitude global.


A área, com total confidencialidade e acesso restrito, conta com a estrutura tecnológica necessária para atender os profissionais da Marcopolo envolvidos no processo de validação dos projetos. “A sinergia entre as áreas técnicas já ocorre de forma intensa, a ponto de que as empresas conseguiram transcender os propósitos inicialmente estabelecidos”, acrescenta o COO da divisão Autopeças das Empresas Randon, Sérgio Carvalho. Exemplo disto são os estudos de correlações estruturais e elaboração de testes que visam a celeridade na validação de subsistemas do veículo, estudos estes que já se tornaram objeto de patente conjunta entre as Companhias.


A aproximação das duas empresas, que nasceram no mesmo ano, são líderes em seus respectivos segmentos e conquistaram o mercado internacional, já rendeu ótimos frutos. “Entre outros resultados, foram realizadas ações internacionais para mapeamento de parâmetros em diferentes rotas, bem como foram realizados estudos de correlações físico-virtuais para classificação de severidade para danos estruturais oriundos do tráfego nestas diferentes vias, e desenvolvimento de testes em componentes. O espaço, que será dedicado a estudos, inovações e desenvolvimentos avançados de engenharia, também proporcionará visitas de clientes, reiterando o nosso compromisso com a qualidade e confiabilidade dos produtos que fabricamos, explica o Diretor de Engenharia da Marcopolo, Luciano Resner.


Centro Tecnológico Randon - Com a construção de uma nova área asfaltada de 53 mil m2, o Centro Tecnológico Randon (CTR) torna-se o primeiro da América Latina a contar com uma Área de Dinâmica Veicular (VDA, na sigla em inglês). O avanço permitirá avaliações dinâmicas em veículos comerciais para desenvolvimento e homologação de sistemas de controle de estabilidade – uma demanda legal que passará a ser exigida para toda a frota brasileira a partir de 2022. A ampliação contará, também, com uma pista especial para testes de sistemas auxiliares de frenagem, o ABS. A pista terá 300 metros de comprimento e seis metros de largura, com áreas de escape para execução segura de manobras. Assim, o complexo se torna uma opção diferenciada para o mercado, com dimensões e capacidades de carga adequadas às Combinações de Veículos de Carga (CVCs) existentes no Brasil.


A previsão é de que as obras estejam concluídas na metade de 2020. Dentro da política ambiental das Empresas Randon, o projeto de expansão conta com a devida e adicional compensação ambiental. Desde a concepção, o espaço foi desenhado para comportar veículos comerciais de até 16 toneladas por eixo. Ao fim da execução, estará plenamente capacitado para atender toda gama de veículos automotores e rebocados em circulação, incluindo os de passeio e as motos.


“Todo o complexo foi cuidadosamente projetado, desenvolvido e estruturado para atender as particularidades de combinações de veículos de carga previstas pela legislação brasileira”, revela o diretor de Tecnologia e Inovação de Produto da Divisão Autopeças das Empresas Randon, César Augusto Ferreira.


A propósito de legislação, as novidades chegam exatamente para antecipar-se ao atendimento de uma determinação legal que entrará em vigor por etapas e atingirá grau completo em 2024: a Resolução 641 do CONTRAN, que passará a exigir controle de estabilidade em toda a frota nacional. “A legislação prevê parâmetros rigorosos e manobras específicas para homologação dos veículos, incluindo semirreboques. São necessidades que estamos prontos para atender no CTR”, explica Ferreira.


Com um investimento de aproximadamente R$ 10 milhões na ampliação, o complexo de 87 hectares que hoje conta com mais de 20 diferentes tipos de pistas terá novas e melhoradas áreas para execução de ensaios dinâmicos. Além disso, cerca de R$ 3 milhões foram recentemente adicionados para incremento do laboratório estrutural, expandindo ainda mais a capacidade de testes para atendimento de montadoras e das Empresas Randon.

 

Foto: João Carlos Lazzarotto

COMPARTILHE

VEJA TAMBÉM

Centro Tecnológico Randon conquista certificação do INMETRO inédita no Brasil para pistas abertas ao mercado

Saiba mais

Centro Tecnológico Randon surge como evolução do maior empreendimento independente na América do Sul

Saiba mais

Randon e Marcopolo fazem parceria tecnológica com foco em inovação

Saiba mais